Translate

quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Ano Novo

Como a maioria das novidades,2009 resolveu ir embora quando começamos a nos acostumar com ele.
E,então,mais uma vez rabiscamos projetos em nossas próprias mentes e nos prometemos fazer "n" coisas que,às vezes,ficam só na promessa.Em 2010 eu espero sentir menos raiva.Eu quero viver mais vezes a sensação da água fria relaxando os músculos dos meus pés,eu quero viver algo natural,espontâneo.Mais dores e menos paracetamol.Eu quero coragem e amadurecimento,mais filosofia e menos best sellers. Mais fantasias e menos pés no chão.Eu quero que a vida perceba que eu estou com os braços mais abertos que eu posso.A ansiedade cedeu lugar para a expectativa,e eu nunca me senti tão otimista.Eu espero que todos os nosso projetos (os meus e os seus,caro leitor) literárarios e/ou não,sejam realizados,encaminhados.
Eu tenho um bom pressentimento em relação a 2010,vai ser um ano de novidades,e o fato do meu horóscopo dizer que vai ser um bom ano,não conta (muito).2010 vai ser incrível porque vou fazê-lo ser. Então,caríssimo leitor,que 2010 seja MARAVILHOSO e que cada uma das suas conquistas seja merecida.Que a inspiração permeie o nosso ano.



FELIZ ANO NOVO!!!!!!!!!!!!!

2 comentários:

Mel. disse...

Há! Que venha aí um ano sensacional!

Fábio Racoski disse...

E virá, sim, um ano sensacional. Com mais literatura, e menos "kibelocos".

Que 2010 seja da maneira que você traçou nas linhas acima!